Para entrar na Área Restrita e visualizar todo o conteúdo do site faça o seu login:

Não tem login? Deixe o seu depoimento
Esqueceu a sua senha?

Noticias

25/06/2012 às 10:04

Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter
A Primeira transa


A primeira transa é um momento especial, como tudo o que é importante em nossa vida e a gente vai realizar pela primeira vez. Como não sabemos exatamente como vai ser, mas queremos que seja muito bom, ficamos ansiosos e isso é natural. Mas se estivermos com algumas informações e nos dermos a oportunidade de nos preparar para este momento então tudo pode acontecer de um jeito melhor do que o esperado.



O ato sexual, a penetração do pênis na vagina, pode ser algo muito mecânico e sem graça se não houver o tesão e a emoção juntos, com uma boa pitada de responsabilidade para garantir que seja saboroso antes, durante e depois. Assim, é muito legal que você se preocupe com o uso da camisinha. Ela deve estar presente desde a primeira transa e nunca deve ser abandonada. A menos que vocês desejem uma gravidez ou queiram arriscar contrair uma doença sexualmente transmissível (DST).



Como usar a camisinha



Assim, a camisinha deve ser colocada, antes do contato do pênis com a vagina, boca ou ânus, pois existem doenças, como o HPV, que são transmistidas facilmente, bastando o toque da região contaminada com a mucosa.



Se a camisinha estourar?



Bem ela dificilmente vai estourar se vocês tomarem todos os cuidados na hora de adquirir, como ver a data de validade, o carimbo do Inmetro, e se tiverem o cuidado de guardar longe do calor excessivo, e em local que não sofra atritos. E na hora de colocar, pressionar aquele capuz na ponta da camisinha, tirando todo o ar antes de desenrolar a mesma até a base do pênis. E não vale abrir a camisinha com o dente ou objetos cortantes. Os picotinhos do pacotinho servem para isso.



Depois da ejaculação, o rapaz não pode ficar muito tempo com o pênis dentro da vagina, pois ele amolece e vaza tudo. E para garantir, antes de retirar o pênis, segure a camisinha contra o corpo do mesmo para garantir que ela não vai escorregar e ficar dentro da vagina. Assim, com esses cuidados, vocês dificilmente terão problemas. Mas se a camisinha estourar, existe a pílula do dia seguinte para prevenir uma gravidez indesejada. Mas é bom lembrar que ela não é um método contraceptivo. É uma medicação de urgência e que só deve ser tomada em casos em que o método de escolha falhou. E depois é preciso consultar um ginecologista e um urologista para ver se houve a transmissão de alguma DST. Aliás seria legal consultar um médico antes da primeira transa para verificar se está tudo em ordem e ainda pedir algumas informações.



No início, eu também falei sobre a importância de nos darmos a oportunidade de nos preparar para o momento e acredito que estamos falando sobre as questões de ordem emocional que você pede para comentar, certo? Então, vamos lá! A primeira transa leva o casal a um momento de grande proximidade e intimidade. A gente não deixa qualquer pessoa tocar regiões de nosso corpo como os seios, os genitais, o bumbum, são regiões de ordem privada e não pública. Temos certos lugares do corpo que ao serem tocados de um determinado jeito, nos trazem uma sensação muito gostosa.



Autoconhecimento: casal deve avançar aos poucos até a transa acontecer



A gente tem valores, coisas nas quais a gente acredita e que foram passadas pela educação que nossos pais e outras pessoas importantes em nossa vida nos passaram. E nós temos um jeito de ver a vida e lidar com ela. O outro que está conosco, também tem o seu jeito de ser especial, de sentir, de gostar de certos carinhos, uma educação que recebeu, e tem limites e possibilidades, que não são iguais aos nossos. Assim, para uma primeira vez mais prazerosa, seria legal ir avançando aos poucos. Namorando, conhecendo melhor a si mesmo e ao outro em relação a essa coisas que envolvem amor e sexo, se descobrindo e descobrindo o que agrada ao seu par, ao mesmo tempo em que vai se dando chance de ir se sentindo mais a vontade com esses novos toques em lugares novos.



Se dar a oportunidade de saber o que e como gosta mais e de que jeito. Aprendendo a dizer o que quer e o que não quer. E à medida que avança e vai se sentindo mais segura ou seguro para ir adiante, vai percebendo que cuidados precisa tomar para evitar problemas. E quando perceber que está querendo ter a primeira transa e que já sabe quem você quer para esse momento, então é muito importante que também estejam preparados para assumir os cuidados com o corpo e que vão garantir que o prazer do momento não se transforme em pesadelo. Afinal, na hora da transa, quem estará cuidando de você é você, não se esqueça disso e terá grandes chances de inciar a vida sexual de um jeito muito gostoso.



 



FONTE: http://www.gp1.com.br/noticias/primeira-transa-saiba-os-cuidados-essenciais-veja-mais-detalhes-44967.html